Talentos

Minha receita de tenista ideal

Pegue a dose total de sua vontade,
aplique nos treinos e mexa com perseverança.

Deixe crescendo a massa do aprendizado
durante todo o preparo.
Salpique boas porções de planejamento.

Deixe marinando à parte, em molho de suor e lágrimas,
as lembranças das conquistas e das decepções.

Misture doses iguais de energia, garra, força e alegria.
Coloque no jogo, batendo continuamente,
com porção máxima de técnica.

Cuidado para não desandar em destempero.
Se isso acontecer, acrescente uma porção de paciência,
duas de humildade, uma de aceitação
e um pacote inteiro de silêncio.

Acrescente uma camada de tranquilidade e outra de concentração.
Aumente o foco ao máximo.
Mexa sempre, acrescentando doses adicionais de crença quando necessário.

Ao final da partida, prove o sabor, doce ou amargo.
E deguste sempre seu amor pelo tênis,
seja qual for o resultado.

Compartilhe

Inspiração

A inspiração surgiu da paixão que tenho pelo tênis e dos desafios técnicos e mentais que temos neste esporte. Tentei escrever de forma leve e um pouco irônica, como se fosse uma receita de bolo, mas com uma mensagem significativa.

Sobre a obra

Sempre registro as primeiras ideias de um poema e a partir daí vou incluindo e alterando trechos e palavras até chegar ao texto final de forma que fique harmônico e com um fechamento que transmita a ideia principal.

Sobre o autor

Trabalho na CAIXA desde 1989, mesmo ano em que me casei. Tenho três filhos. Um de meus hobbies favoritos é o tênis. Gosto de registrar de forma poética meus sentimentos e pensamentos sobre fatos do cotidiano que me chamam a atenção.

Autor(a): ALESSANDRA FRANCA DENOFRIO (Alessandra França Denófrio)

APCEF/DF