Talentos

O SAPINHO E A LAGARTICHA

O SAPINHO E A LAGARTIXA

A professora chegou à sala e falou: __Bom dia!!!
Todos responderam: __Bom dia!
__Então, eu estava agora mesmo conversando com a diretora sobre a gincana do colégio que vai começar na próxima semana. O tema da gincana é DANÇA. Como de costume, nossa sala vai participar em duas modalidades: SAMBA e COCO DE RODA
Gostaria que vocês formassem os pares e escolhessem o tipo de que vai participar. Vou deixá-los escolhendo e vou aqui rapidinho na diretoria. Ninguém pode sair da sala enquanto eu estiver fora, certo? E saiu
A lagartixa chamou o sapinho e falou: __Sapinho, vamos participar do Coco de Roda? E o sapo falou: __eu queria, de verdade, eu queria, mas...
__Mas o que sapinho?
Tímido ele falou: __ eu não sei dançar!
-Mas isso não é um problema, dançar é fácil, a professora vai ensinar e depois a gente fica ensaiando na minha casa. Vamos?
-Vou pensar!
A lagartixa ficou triste, queria dançar com o sapinho, mas o sapinho não estava querendo. Ela andou, andou e depois voltou para o sapinho: __olhe, vamos dançar comigo, a gente se esforça, ensaia e ganha o prêmio. Eu garanto a você que a gente vai vencer. O sapinho muito tímido, ficou pensando e, neste momento, a professora chega e pergunta: Formaram os pares?
__Eu já, imediatamente falou a lagartixa. Eu e o sapinho vamos dançar Coco de Roda.










__ótimo, falou a professora, quem mais?
Enquanto isso, o sapinho assustado fala baixinho no ouvido da lagartixa: __ei, eu nem me decidi ainda e você já colocou meu nome. E a lagartixa respondia, baixinho, no ouvido dele: __eu sei que vamos ganhar o prêmio, por isso, não tem volta, tu vais dançar comigo. E o sapinho ficou atordoado com a atitude dominadora da lagartixa, sem saída, teve que concordar.
Depois da aula, a lagartixa chamou o sapinho para marcarem os ensaios e já foram falar com o professor que agendou os ensaios para o dia seguinte após as aulas.
No dia seguinte, lá estava a lagartixa puxando o sapinho para os ensaios. E ensaiaram bastante, tanto que o sapinho aprendeu bem direitinho.
Chegou o dia da gincana
A Diretora anunciou a abertura e todas as equipes se apresentaram, onde também se encontrava a lagartixa com seu sapinho, preparados para a dança.
A diretora então chamou a mesa julgadora: papagaio, periquito, macaco e coruja.
E anunciou: __está aberta a gincana!
(Iniciaram-se as apresentações)
Chegando a vez da lagartixa, esta entrou deslumbrante com seu vestido cor azul marinho, com detalhes quadriculados nas cores branca, vermelha e azul, saia bem rodada e adereços coloridos na cabeça. O sapinho vestia Calça azul marinho, estilo nordestino, com camisa na mesma cor, também com detalhes quadriculado em azul, branco e vermelho, combinando com o vestido de sua bela dançarina, usava chapéu de palha na cabeça e ambos calçavam xô boi branca. Em meio à dança, a lagartixa solta o sapinho e o faz dançar sozinho na cadência do som dos pés batendo no chão, acompanhado pela lagartixa rodopiando e batendo com o coco que carregavam nas mãos. Os dois deram um verdadeiro show, rodopiando no salão, levantando toda a torcida que gritava em coro: já ganhou, já ganhou!!!
Encerrada a disputa, e enquanto aguardavam os resultados, muito nervosos, apertavam suas mãos suadas.
Quando a diretora anunciou: __Atenção, para o resultado final:
Terceiro lugar: tatu e cotia
Segundo lugar: macaco e lebre
E, em primeiríssimo lugar: Pausa....silêncio...A lagartixa segurando a mão do companheiro sapinho tremia que nem vara verde, quando a diretora anunciou: LAAAAGAAAAARRRRRRRTIIIIIXA E SAPIIIIINHOOOOOO!
Huruuuuuuuuu! Gritou, levantando-se a lagartixa, pulando e abraçando o tímido sapinho. __ Eu não disse que a gente ia vencer? Vencemos! Vencemos!!
__Sapinho, se um dia tiver um sonho, lute por ele, mas lute com vontade, você nunca, mas nunnnnca, deve desistir dos seus sonhos, pois um dia eles se realizarão.
__Parabéns amigo! Disse a Lagartixa! Bate! (uma mão na outra)
__Valeu amiga! Disse o sapinho! Batendo!
E juntos foram comemorar!





Compartilhe essa obra

Share Share Share Share Share
Inspiração

A ideia surgiu da necessidade da persistência dos sonhos. Ao longo dos tempos eu fui percebendo que engavetamos muitos sonhos até pela falta de coragem de enfrentar o desconhecido. Esse conto tem o objetivo de incentivar a busca pelos sonhos.

Sobre a obra

A obra é um conto cujo objetivo é motivar a busca pelos sonhos engavetados. A técnica aplicada é a de conto.

Sobre o autor

Sou Verónica Galvão, aposentada da CAIXA e desde a minha aposentadoria tenho me dedicado às artes da escrita. O talento para a literatura é nato e já nasci com ele. Desde que passei a reconhecer o mundo, percebi que gostava de contos e poesias.

Autor(a): VERONICA DA SILVA GALVAO (VERONICA GALVAO)

APCEF/AL