Talentos

Azul

Azul

Menino dos olhos de céu
Cujos pés machucados estão presos a grama
Ensina-me a cada dia
que o dia importa!
- Me grampeia!
Para que eu sinta o impulso do agir
E a graça das horas presentes

Usa seus bons ouvidos
Para me fazer escutar a música
Guia-me com suas certezas
Quero acreditar nas minhas verdades
E defende-las
Sem perder o foco
Cola em mim um pouquinho da sua
determinação
Eu sei o quanto você é capaz de não
desistir

Fala comigo
conta que o seu Deus é bom
e está dentro (não no alto)
Freia meus impulsos de vingança.
Preciso crer num coração
de generosidade pura.

Mas por vezes,
amor maior que o mundo,
Só por vezes,
Inclina a sua cabeça no meu peito
Relaxa
Curta o devagar e o nada
Não há culpa:
o real pode ser muito cansativo.

Compartilhe

Inspiração

A obra foi criada baseada na minha experiência como mãe de um lindo menino de olhos de céu, que me ensina todo dia a importância de estar vivo.

Sobre a obra

Minha poesia baseia-se em vivências cotidianas e é basicamente intuitiva. Após a idéia inicial e o fluxo de criação, reviso, ajusto, até conseguir um resultado emocionalmente bonito, de letras limpas e sonoro.

Sobre o autor

Escrevo desde que fui alfabetizada, já recebi alguns prêmios por outros poemas, mas adormeci esse lado por alguns anos. Retomei há cerca de 9 meses e tem sido como me redescobrir.

Autor(a): TAISA MARIA SOLDERA FREDDI FARIA (Taisa Freddi Faria)

APCEF/SP