Talentos

Meu beija-flor



Tento te esquecer, mas não tem jeito,
Você mora no meu peito.
Vem de volta, por favor.
Ai, ai... Meu beija-flor
Ai, ai... Meu beija-flor

Tento descrever na poesia,
Te mostrar na melodia
Que o que eu sinto é amor.
Ai, ai... Meu beija-flor
Ai, ai... Meu beija-flor

Volta com esse jeito, com esse cheiro!
Volta que eu sou teu amor primeiro!
Voa bem ligeiro, passarinho,
Voa, voa bem depressa pro meu colo, se aninhar.
Volta pro calor do meu abraço,
Pro meu corpo, pro meu dengo,
Pro meu coração, amor...
Volta pro calor do meu abraço,
Pro meu corpo, pro meu dengo,
Pro meu coração, amor...

Compartilhe essa obra

Share Share Share Share
Inspiração

O poeta fala de uma paixão fictícia baseada na ideia do "primeiro amor".

Sobre a obra

É xote! Sanfona, zabumba, triângulo, principalmente, acompanhado de mais alguns elementos pra enriquecer a canção.

Sobre o autor

Música é muito do que sei de mim, seja cantar, tocar ou simplesmente ouvir. Venho de uma família de gerações de músicos, o que nos orgulha muito. Toco alguns instrumentos como violão, teclado e "arranho" num contrabaixo. Gosto demais de compor.

Co-Autor(es)
Intérpretes

LUCIANO DE SOUZA SANTOS CANABRAVA | APCEF/BA

Integrantes
Autor(a): LUCIANO DE SOUZA SANTOS CANABRAVA (Luciano de Lucas)

APCEF/BA