Talentos

ANJO

ANJO

Esse anjo libidinoso e travesso
Presente da noite para mim
Rouba os meus sentidos,
Dispersa a estoica razão,
Desperta o inerte vulcão
Faz explodir a recatada paixão!
Esse anjo ousado e doce
Presente da vida para mim
Viaja pelo meu corpo,
Toca o piano da minha sensibilidade,
Mimoseia os meus ouvidos com verdades
Traz paixão, amor e efêmera felicidade!
Esse anjo que faz irromper o meu prazer
Reflete o azul do mar!
É do fogo, mas flutua no ar
É coração, sentimento, razão
A noite vai passando, o anjo se vai
Arqueiro do amar!

Compartilhe

Inspiração

Certa noite estava admirando o céu da minha varanda e, compulsivamente, peguei a caneta e escrevi esse poema, talvez tenha visto algum anjo. Esse poema é sentimento puro, pois a poesia é a fala da alma.

Sobre a obra

Entendo que esse poema expressa sentimento na medida certa, sem exageros. É leve e ousado ao mesmo tempo.

Sobre o autor

Eu adoro escrever, principalmente sobre temas filosóficos e que fazem o leitor refletir sobre o seu comportamento diante da vida.
Desde criança que escrevo e declamo poesias, já ganhei alguns prêmios.
Como estou aposentada, tenho mais tempo para exercitar o lado direito do cérebro, da criatividade, e assim me dedicar às composições literárias.

Autor(a): MARIA DE LOURDES SANTOS ARAUJO (Lourdinha Araujo)

APCEF/BA